Mato Grosso em Foco Publicidade 1200x90
24/05/2023 às 08h51min - Atualizada em 24/05/2023 às 08h51min

Prazo para recadastramento de servidores ativos do Estado segue até 30 de junho

Passados 23 dias do início do recadastramento apenas 24% dos servidores aptos a se recadastrarem concluíram o processo

https://www.secom.mt.gov.br/w/prazo-para-recadastramento-de-servidores-ativos-do-estado-segue-at%C3%A9-30-de-junho

Os servidores e empregados públicos ativos do Estado de Mato Grosso têm até o dia 30 de junho para realizar a atualização cadastral periódica obrigatória junto a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag). 

O procedimento tem como objetivo comprovar o vínculo funcional e o efetivo exercício, além de corrigir, atualizar e ampliar os dados pessoais e funcionais dos servidores ativos, visando melhorar a eficiência e a transparência na administração pública.


O processo de recadastramento teve início no dia 1º de maio. Ao todo, 87,3 mil servidores estão aptos a fazer a atualização cadastral. Contudo, apenas 24% deles concluíram o processo (21,7 mil servidores). Outros 22,2 mil servidores também iniciaram o recadastramento, mas não finalizaram, e pouco mais de 43,3 mil ainda nem começaram. 

Com o intuito de conhecer melhor o servidor, sua trajetória e habilidades, o Estado incluiu no recadastramento deste ano um mapeamento do perfil de trabalho para identificar as experiências e conhecimento de cada um, independente do seu local de lotação atual. Informações sobre a utilização dos sistemas corporativos do Estado e até domínio de outros idiomas estão sendo levantadas com níveis detalhados de conhecimento e tempo de atuação.

“Essas informações serão muito importantes para que possamos conhecer melhor nossos servidores e identificar suas experiências e habilidades com o objetivo de traçar novas estratégias de gestão de pessoas, de acordo com a capacidade técnica e profissional dos servidores”, explica o titular da Seplag, Basílio Bezerra.

Este ano o recadastramento é composto de oito etapas. O servidor ou empregado público só conseguirá passar para a etapa seguinte após preencher e finalizar a anterior. No entanto, poderá salvar a atualização cadastral em qualquer etapa e reiniciá-la em momento posterior, sem perder os dados fornecidos anteriormente, até que conclua todo processo.

Os dados relativos ao ano anterior já aparecerão automaticamente no sistema, de forma a proporcionar maior facilidade e agilidade no recadastramento. A atualização cadastral será considerada concluída após o servidor realizar todas as etapas, a chefia imediata ou a gestão de pessoas de seu órgão comprovar seu vínculo funcional, e por fim, a emissão pelo sistema do comprovante com o número de protocolo.

Vale lembrar que quem não se recadastrar no prazo previsto poderá ter o salário suspenso até a regularização.

O recadastramento deve ser realizado pelo site da Seplag-MT e o acesso ao sistema é feito com o mesmo usuário e senha utilizados no Portal do Servidor.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://matogrossoemfoco.com.br/.