Mato Grosso em Foco Publicidade 1200x90
19/03/2023 às 13h58min - Atualizada em 20/03/2023 às 00h03min

Bombardeio russo na Ucrânia mata civis em prédio residencial

Ataque aconteceu na região de Zaporizhzhia, no sul do país. Segundo autoridades, tropas russas dispararam foguetes e atingiram cinco pessoas (três delas morreram). Na mesma cidade, no sábado, míssil destruiu restaurante e matou dezenas de soldados.

G1
https://g1.globo.com/mundo/noticia/2023/03/19/bombardeio-russo-na-ucrania-mata-civis-em-predio-residencial.ghtml


Ataque aconteceu na região de Zaporizhzhia, no sul do país. Segundo autoridades, tropas russas dispararam foguetes e atingiram cinco pessoas (três delas morreram). Na mesma cidade, no sábado, míssil destruiu restaurante e matou dezenas de soldados. Três civis foram mortos e dois ficaram feridos em um bombardeio russo contra um prédio residencial em Zaporizhzhia, no sul da Ucrânia, neste domingo (19). As informações são da agência Reuters, com base em dados de autoridades regionais.
Segundo a administração militar da região, as tropas russas dispararam foguetes contra a pequena vila de Kamyanske, onde 2.600 pessoas viviam antes do início da guerra.
O governo pediu que os moradores deixem suas casas, diante do risco de novos bombardeios.

Na mesma cidade ucraniana, no sábado (18), dezenas de soldados estrangeiros morreram em outro ataque russo: um míssil atingiu o restaurante "Monica Bellucci" (veja a foto abaixo).
Restaurante de atriz italiana foi destruído em ataque russo à Ucrânia
Andriy Andriyenko/AP
Putin visita a Mariupol pela 1ª vez desde o início da guerra
Putin faz viagem surpresa a Mariupol
Na manhã deste domingo, o presidente russo Vladimir Putin esteve na cidade ucraniana de Mariupol (veja o vídeo acima).
Segundo informações da agência RFI, desde o início da guerra na Ucrânia, em fevereiro de 2022, foi a primeira visita do chefe do Kremlin ao território ocupado.
Mandado de prisão contra Putin
Na última sexta-feira (17), o Tribunal Penal Internacional (TPI) emitiu um mandado de prisão contra Putin. Acusado de praticar crimes de guerra na Ucrânia, ele nega que suas tropas tenham cometido atrocidades durante o conflito.
Putin é suspeito de ser responsável pela deportação e pela transferência ilegal de crianças ucranianas para a Rússia, afirmou o órgão à imprensa.
Desde o início da guerra na Ucrânia, que completou um ano em 24 de fevereiro, a Rússia vem sendo acusada por organizações não-governamentais, por Kiev e até por uma investigação da Organização das Nações Unidas (ONU) de sequestrar menores de idade em regiões ucranianas tomadas pelo Exército do país e levá-los centros de "reeducação" em território russo.
Segundo a Câmara de Pré-Julgamento II, esse tipo mandado de prisão costuma ser secreto, mas, excepcionalmente nesse caso, foi divulgado para sensibilização do público aos crimes cometidos.

do G1



Fonte: https://g1.globo.com/mundo/noticia/2023/03/19/bombardeio-russo-na-ucrania-mata-civis-em-predio-residencial.ghtml


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://matogrossoemfoco.com.br/.